A importância do controle fiscal para o comércio

Muitos donos de pequenos comércios ignoram a importância de fazer controle fiscal, sem saber que, independentemente do tamanho do negócio, esse é um controle indispensável para alcançar bons resultados. 

Manter os documentos fiscais de uma empresa em dia é o que garante que ela cumpra suas obrigações tributárias, evitando problemas como o pagamento de multas. E é também esse controle que pode ajudar o comércio a conseguir benefícios fiscais, como isenções e diminuição de carga tributária. 

Quer entender mais sobre gestão fiscal e sua importância para o bom funcionamento de um negócio? Então, continue a leitura. 

O que é controle fiscal

O controle fiscal é um conjunto de práticas que têm como objetivo ajustar todas as questões que envolvem a apuração e o pagamento de tributos de um negócio. E envolve desde a entrada de uma determinada mercadoria na empresa até a sua saída acompanhada da sua nota fiscal.

Se o controle fiscal é bem feito, a empresa evita uma série de problemas com órgãos como a Receita Federal e, assim, pode realizar suas atividades com tranquilidade e aproveitar os benefícios de ser um negócio que cumpre com suas obrigações tributárias.

Benefícios de um controle fiscal realizado de forma eficiente

Se a falta de controle fiscal pode resultar em multas e até mesmo na suspensão das atividades da empresa, controlar as questões fiscais do negócio de forma correta traz muitos benefícios. Abaixo nós listamos alguns deles:

Ficar em dia com a lei

Essa é, sem dúvida, a principal função do controle fiscal em empresas de todos os segmentos e portes.

Quando todos os procedimentos obrigatórios para recolhimentos dos tributos e impostos são realizados de forma correta, o dono do negócio pode atuar com tranquilidade, ciente de que não está sujeito a sofrer nenhum tipo de penalidade.

Economizar com impostos

Em nosso país, temos diferentes regimes tributários (Lucro Real, Lucro Presumido, Simples Nacional e Microempreendedor Individual) e cada um deles tem uma série de regras específicas que dizem respeito ao recolhimento dos impostos.

A opção por um desses regimes está diretamente ligada ao modelo de negócio e ao seu faturamento. E o enquadramento do seu comércio em um ou outro regime pode significar pagar mais ou menos tributos. 

Só um controle fiscal bem realizado pode indicar em qual regime tributário seu negócio se enquadra e, quem sabe, assim, conseguir reduzir a carga tributária da sua empresa.

Ter uma visão realista da situação do negócio

Talvez você nunca tenha percebido a quantidade de informações úteis uma nota fiscal pode oferecer para a administração do seu comércio. Afinal, elas reúnem dados sobre clientes e fornecedores, datas das negociações, histórico de compras e vendas etc.

Quando bem organizadas, essas informações, entregam uma visão ampla e realista da situação do seu comércio, o que pode ajudar a pensar e traçar novas estratégias para os negócios.

Ajudar no processo de tomada de decisões

Por fim, com um controle fiscal bem feito e a análise de todos os documentos fiscais da empresa é possível exercitar uma visão mais estratégica para o negócio e usar os dados para fazer planejamentos e guiar as decisões da empresa. Assim, seu comércio pode crescer com mais estabilidade e segurança.
E então, nosso conteúdo ajudou você a entender a importância do controle fiscal para o seu negócio? Esperamos que sim. E se você quiser ver outras dicas interessantes para o seu negócio e conhecer nossas soluções para micros e pequenas empresas, visite  nosso site e veja tudo o que o sistema Hábil Empresarial pode fazer pelo seu comércio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *