A rápida expansão do coronavírus pelo mundo inteiro já começou a transformar a forma como levamos nossas vidas, e também o nosso trabalho.

Com a recomendação de ficar em casa, de evitar aglomerações sempre que possível e de reduzir o contato com pessoas, para conter a transmissão da COVID-19, muitas empresas tiveram de se adaptar para continuar trabalhando.

Algumas buscaram revezamento de funcionários, enquanto outras deram férias para parte dos colaboradores, mantendo a empresa funcionando com uma equipe menor. No entanto, como a forma mais correta de conter a contaminação é o isolamento social total, a medida mais eficiente neste momento foi o home office

É claro que nem todas as empresas conseguem liberar esse tipo de trabalho para seus funcionários, mas, para as que podem, ele é a melhor solução para manter a produtividade sem colocar em risco a saúde de colaboradores e suas famílias.

Muitas empresas estão precisando aprender o que é home office. Por isso trouxemos este conteúdo para você entender o que é esse tipo de trabalho e descobrir como implementar em sua empresa.

O que é home office e de onde veio essa tendência?

O que é home office e como utilizar em sua empresa? | Habil Empresarial

Home office é um termo em inglês que significa “escritório em casa”. Como pode-se entender pelo nome, ele é um tipo de trabalho remoto em que o trabalhador executa suas funções sem sair de casa.

As vantagens desse tipo de trabalho são principalmente econômicas – tanto para o trabalhador, que não gasta com o deslocamento, quanto para a empresa, que pode cortar custos em vale transporte, vale alimentação, estrutura, equipamentos, energia elétrica e muito mais. 

Além disso, o trabalhador de uma empresa remota ganha ainda a comodidade de poder trabalhar no conforto do seu lar.

Essa tendência surgiu principalmente com a revolução digital, que vem transformando o mundo e também nossa forma de trabalhar. A tecnologia aumentou a produtividade, os softwares revolucionaram a gestão empresarial e os meios de comunicação digitais criaram essa nova forma de trabalho remoto.

Com isso, o home office passou a crescer cada vez mais nos últimos anos. Tanto que ela aparece com destaque no estudo Análise de Tendências & Salários na América Latina 2020 da agência Hays, referência internacional em recrutamento.

De acordo com o estudo, que analisou Brasil, México, Colômbia e Chile, o home office é o terceiro benefício mais procurado por novos trabalhadores nos países – perdendo apenas para planos de saúde e flexibilidade de horários.

E isso foi antes da pandemia, quando a possibilidade de trabalhar em casa era apenas um benefício. Hoje, com o coronavírus, ela se tornou uma necessidade para muita gente.

Sua empresa pode implantar o home office? Vamos entender como liberar seus funcionários para trabalhar em casa?

Como implementar o home office em sua empresa?

Antes de começar a implementar o home office na sua empresa, confira se essa modalidade é compatível com o trabalho que você executa e analise quais dos seus funcionários podem realizar suas funções em casa.

Lembre que o ideal é liberar todos, mas, se isso não for possível, vale a pena dar o trabalho remoto apenas para aqueles que puderem. Assim você já reduz a aglomeração em sua empresa.

A partir disso você pode começar a implementar o home office em sua empresa. Mas lembre-se que não é só mandar os funcionários ficarem em casa. Para seu trabalho remoto ser eficiente e manter a produtividade, é preciso seguir algumas orientações.

1. Defina regras para o trabalho remoto de seus funcionários

É importante deixar claro que o home office não é folga, nem flexibilização do trabalho. As mesmas funções executadas presencialmente devem continuar a serem cumpridas em casa.

Por isso, seja rigoroso com os horários de expediente, para que os funcionários saibam exatamente quando eles devem estar disponíveis, e também saibam que aquele é o período de trabalho, não de realizar outras funções em casa.

2. Forneça os equipamentos necessários para o home office

O que é home office e como utilizar em sua empresa? | Habil Empresarial

Sua empresa deve disponibilizar os equipamentos que seu funcionário precisa para cumprir suas funções e manter sua produtividade. 

O tipo de equipamento vai depender do ramo de sua empresa, mas é importante garantir que o funcionário tenha acesso aos materiais essenciais.

3. Tenha uma ferramenta de comunicação interna

O trabalhador em casa não pode ficar isolado. Para acompanhar o seu trabalho, garantir sua produtividade e discutir suas demandas, tenha uma ferramenta de comunicação interna eficiente.

Essa ferramenta também pode ser usada para reuniões da equipe, que são importantes durante o home office.

4. Invista em uma gestão eficiente

Para seu home office realmente funcionar, você precisa estar por dentro de tudo que acontece na sua empresa. Afinal, é mais difícil cuidar da gestão de vários funcionários que não estão reunidos no mesmo lugar.

Por isso, vale a dica de contar com um sistema de gestão que controle seu estoque, faça relatórios de resultados e produtividade, ajude a gerir seu financeiro e muito mais. 

Por fim, lembre que sua estabilidade financeira vai precisar ser observado bem de perto neste período de coronavírus. Confira nosso eBook gratuito com dicas de controle financeiro para pequenas e médias empresas.

Quer cortar custos sem demitir colaboradores? Saiba como:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *