Dicas infalíveis para aumentar suas vendas na Black Friday

A Black Friday é uma excelente oportunidade para impulsionar as vendas, atrair novos clientes e se aproximar de clientes que, por uma razão ou outra, deixaram de comprar da sua empresa.

No entanto, para que você alcance bons resultados, é imprescindível que todas as ações sejam bem planejadas e executadas. Do contrário, corre-se o risco de perder boas vendas para a concorrência.

Pensando nisso, selecionamos algumas dicas infalíveis que, quando postas em práticas da forma correta, aumentam suas vendas na Black Friday. Acompanhe e faça bons negócios!

Os números da Black Friday do Brasil

A Black Friday no Brasil é coisa séria. Em 2020, o faturamento entre os dias 26 e 27 de novembro (final de semana da promoção) foi de mais de R$ 4 bilhões só no e-commerce, essa cifra representa um desempenho 25% maior do que o registrado em 2019. Além disso, esse crescimento veio amparado pela alta do número de pedidos e também do ticket médio, 16% e 8,3%, respectivamente.

Outra prova da expressividade da data no Brasil é que não existe mais apenas a Black Friday (última sexta-feira de novembro), mas também o Esquenta Black Friday, Black November, Cyber Monday, entre outras ações que potencializam ainda mais o alto engajamento do público nesse período de numerosas promoções. 

Quando será a Black Friday 2021 

Criada pelo segmento do varejo nos Estados Unidos, a Black Friday ocorre na quarta sexta-feira de novembro (logo após o feriado norte-americadno de Ação de Graças) e originalmente se trata de uma mega ação de vendas para liquidar os estoques, com ofertas de mercadorias cujos descontos podem chegar a até 70% do valor normal.

A ideia fez tanto sucesso que se espalhou pelo mundo e se tornou uma ótima oportunidade de negócios para pequenas, médias e grandes empresas. Brasil, Canadá, Austrália, Reino Unido, Portugal e Paraguai são exemplos de países que aderiram à Black Friday.

Este ano, a Black Friday será no dia 26 de novembro e você já pode começar a preparar a sua empresa para fechar ótimas vendas. 

Quais são os produtos mais procurados na Black Friday

De acordo com o site oficial da Black Friday Brasil, os produtos mais procurados durante o evento são:  

Celular/Smartphone: 36,50% 

Eletrodomésticos: 36,30%

Televisores/Vídeo: 29,30% 

Informática/Tablets: 24,10%  

Móveis/Decoração: 22,40% 

Moda/Vestuário: 22,20%

Eletroportáteis: 21,30% 

Viagens: 19,20% 

Beleza: 16,80% 

Livros/Papelaria: 12,60%

As estratégias que ajudam a vender mais na Black Friday

Veja a seguir algumas estratégias que ajudam a vender mais na Black Friday, bem como atrair novos clientes.

1. Planeje suas ações

O primeiro passo para alcançar sucesso nas vendas durante a Black Friday é fazer um bom planejamento. 

Estabeleça metas, pesquise o mercado e os concorrentes, pense nas estratégias de divulgação e analise se será preciso, por exemplo, contratar novos colaboradores para a equipe de vendas ou de marketing. 

Planeje também, com antecedência, a sinalização do estabelecimento ou do site. Pense no slogan da promoção e em tudo o que será feito para atrair os clientes, como banners, balões e cartazes.

2. Escolha os produtos/ serviços que entraram na promoção

Depois de definir as metas e planejar como será a sua Black Friday, é hora de escolher cuidadosamente os produtos ou serviços que entrarão na promoção. 

Essa escolha deve ser muito bem feita porque os produtos e serviços da promoção serão os responsáveis por impulsionar o alcance dos objetivos da sua campanha de vendas. 

E aqui vai uma dica muito importante: é válido colocar na promoção produtos que estão encalhados no estoque, mas é imprescindível também disponibilizar os itens que costumam ser mais procurados na Black Friday, bem como aqueles que já costumam fazer sucesso entre seus clientes.

3. Faça promoções reais

Seja transparente e ofereça descontos reais. Ninguém aguenta mais empresas que tentam “maquiar” os preços dos produtos, aumentando os valores antes da Black Friday e diminuindo no dia da campanha. Ou seja, o famoso “metade do dobro do preço“.

Os consumidores não caem mais nessa e estão cada vez mais atentos a esse tipo de prática. E se você insistir nelas, além de perder vendas, irá prejudicar a reputação da empresa. 

4. Use o marketing digital para divulgar suas promoções

Se você tem uma base de clientes cadastrados, envie e-mails divulgando as ofertas da Black Friday de forma segmentada, levando em consideração o que cada cliente já comprou de você. Por exemplo, alguém que já comprou um computador, pode ter interesse em comprar uma impressora, ou trocá-lo por um modelo superior. 

E quando se trata de estratégias de marketing digital, além do e-mail, vale a pena marcar presença onde todo mundo está: nas redes sociais. Assim, divulgue suas promoções no WhatsApp, Instagram e Facebook, e invista também em mídias pagas.

5. Cuide do seu estoque

Manter o estoque sob controle é algo fundamental e, em tempos de Black Friday, não pode ser esquecido de forma alguma. 

Antes de anunciar qualquer promoção verifique a quantidade do produto em estoque e, se for necessário, adquira mais unidades. Afinal, você não quer que seus clientes fiquem desapontados porque não conseguiram comprar o produto anunciado, certo?

Mas lembre-se também de ter estoque suficiente de outros produtos, mesmo aqueles que não estão na promoção, pois o cliente pode procurar sua loja para comprar um item anunciado na Black Friday e acabar levando outros produtos também.

6. Se você vende pela internet, redobre a atenção com fraudes e com os prazos de entrega

A internet pode ser uma grande aliada da sua empresa, mas também pode gerar problemas. Por isso, todo cuidado é pouco quando o assunto é a ocorrência de fraudes e questões relacionadas aos prazos de entrega. 

Com relação às fraudes, invista na segurança do seu site e garanta que todos os dados dos seus clientes estejam seguros. Só assim, ele poderá fechar bons negócios com você. 

Outro ponto importante é adotar estratégias para que a entrega seja feita dentro do prazo, evitando reclamações dos clientes. Muitas empresas atrasam o envio dos produtos em épocas como Black Friday e Natal, e se você conseguir cumprir o prazo anunciado, marcará muitos pontos com seus clientes e sairá na frente dos concorrentes. 

7. Treine sua equipe para atendimento na Black Friday

Vender na Black Friday não é igual a vender em outras datas promocionais. Afinal, se trata de um único dia com diversas ações promocionais, o que faz com que a demanda fique bastante concentrada e isso irá exigir mais atenção, disposição e organização da equipe de atendimento ao cliente. 

E para que tudo funcione perfeitamente, é fundamental treinar sua equipe antes, seja para atender aos clientes na loja física, no WhatsApp, site da empresa ou nas redes sociais.

8. Use tecnologia para melhorar seu atendimento e seu controle durante a Black Friday

Investir em marketing, campanhas e promoções, sem ter um site funcionando de forma adequada, pode ser um grande motivo de insatisfação para os consumidores. Então, antes da Black Friday, faça um diagnóstico completo do seu site institucional e, se você tiver, da sua loja virtual, e identifique e corrija erros que podem impactar as vendas.

Para garantir seu sucesso nesse período, conte também com a ajuda de um bom software de gestão comercial, um sistema capaz de integrar seu controle financeiro, fiscal, de vendas e de estoque.

Gostou das nossas dicas para turbinar suas vendas na Black Friday? Esperamos que sim. E se você está à procura de uma sistema que apoie na gestão do seu negócio e ajude a alcançar os melhores resultados, conheça o Hábil 10, nosso software de gestão online.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *